Cabo Verde

Cabo Verde recebe empréstimo de 30 milhões de euros do BAD

O Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) anunciou que irá fazer um empréstimo de 30 milhões de euros a Cabo Verde para que o dinheiro seja aplicado no fortalecimento da resposta aos impactos da pandemia da Covid-19 nas áreas da saúde e inclusão social.

A informação foi avançada em comunicado, onde se pode ainda ler que, “apesar de o sistema de saúde estar mais bem equipado que muitos dos países na região, pode ter capacidade adicional face à crise de saúde”.

O arquipélago tem, atualmente, cerca de 400 casos de infeção, 155 recuperações e quatro mortes, de acordo com o BAD, que indica que o crescimento económico de 5% no ano passado deverá evoluir para uma recessão de 4% em 2020.

“O financiamento do banco vai apoiar o empenho das autoridades no aumento do número de ventiladores, de 20 para 86 nas zonas de isolamento, e no total, de 35 para 130 em meados de junho”, é mencionado.

Quanto ao apoio social, o BAD esclarece que o programa de apoio financeiro vai expandir-se de cinco mil para oito mil agregados familiares vulneráveis e liderados por mulheres, de um total de nove mil agregados que se estima viverem em pobreza extrema.

Este novo empréstimo integra o pacote de ajuda de dez mil milhões de dólares (mais de 9,2 mil milhões de euros) que o BAD disponibilizou para o combate aos efeitos do novo coronavírus no continente africano, onde há cerca de 3.696 mortos confirmados em mais de 124 mil infetados em 54 países.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo