Reunião da CPLP

Cabo Verde vê projeto de mobilidade aprovado pela CPLP

O Conselho de Ministros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) aprovou nesta quarta-feira, 09 de dezembro, o projeto de acordo de mobilidade proposto por Cabo Verde. Esse documento terá ainda de ser ratificado na cimeira dos Chefe de Estado e de Governo em 2021, em Luanda. 

“Foi aprovado o projeto de resolução sobre o acordo de mobilidade na CPLP, cujo acordo final vai ser aprovado na cimeira de chefes de Estado e de Governo da CPLP, que vai ter lugar em Luanda, no próximo ano”informou o ministro dos Negócios Estrangeiros do arquipélago africano, Luís Filipe Tavares. 

As declarações foram feitas à imprensa no final do Conselho de Ministros, que sreuniram por videoconferência. O evento foi presidido a partir da cidade da Praia por Cabo Verde, país que detém a presidência rotativa da CPLP. 

Ainda segundo o governante, a proposta apresentada por Cabo Verde teve o consenso de todos os Estados-membros. Os ministros encontram-se agora na fase de redação do documento final. 

No documento podia ler-se que os Estados-membros deveriam procurar “criar as condições para, progressivamente, ir avançando para níveis mais elevados de mobilidade”. São igualmente mencionadas modalidades variáveis, de maneira a que os Estados possam adaptar o modelo da mobilidade e velocidade de um plano de implementação em conformidade com a sua realidade, além da possibilidade de se selecionar os tipos de passaportes que podem dar entrada num Estado-membro. 

Recorde-se que, devido à pandemia da Covid-19, o arquipélago governado por Jorge Carlos Fonseca manteve-se na presidência da CPLP por mais um ano. Isto porque a cimeira, que deveria ter sido realizada em julho deste ano, acabou por ser adiada para 2021. 

Da CPLP fazem parte Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Renamo comenta "invenção da Frelimo" sobre Junta Militar

Moçambique: Renamo comenta "invenção da Frelimo" sobre Junta Militar

O secretário-geral da Renamo, André Mangibire, afirmou à “STV” que duvida da existência de um novo líder da Junta Militar…
Timor-Leste: Candidatos presidenciais assinam pacto da unidade nacional

Timor-Leste: Candidatos presidenciais assinam pacto da unidade nacional

A maioria dos candidatos presidenciais assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pacto da unidade nacional. O objetivo é assegurar a…
Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Já estão abertas as inscrições para uma formação gratuita em Marketing Digital na ilha da Brava, avança “A Nação”. Esta…
Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pedido formal de adesão à União Europeia…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin