Cabo Verde | São Tomé e Príncipe

Câmaras de Comércio de Cabo Verde e São Tomé assinam acordo para facilitar trocas comerciais

© Pxhere

A Câmara de Comércio de Sotavento, em Cabo Verde, e a Câmara de Comércio, Indústria, Agricultura e Serviços de São Tomé assinaram nesta quinta-feira, 29 de agosto, na Praia, um acordo que visa a facilitação das trocas comerciais entre os dois países.

O documento foi assinado no quadro de uma visita de trabalho a Cabo Verde de uma delegação santomense, chefiada pelo secretário de Estado de Indústria e do Comércio de São Tomé e Príncipe, Eugénio da Graça.

De acordo com o presidente da Câmara de Comércio santomense, Jorge Correia, o principal objetivo deste acordo é trabalhar no sentido de fazer com que os produtos cabo-verdianos cheguem a São Tomé mais depressa, a bom preço e com qualidade, para que os santomenses conheçam os produtos cabo-verdianos e vice-versa.

“O nosso objetivo é trabalhar para criar riqueza e fazer com que os cidadãos santomenses possam trabalhar mais, criar maior riqueza e ter a possibilidade de ter uma vida melhor”, declarou, acrescentando que em São Tomé e Príncipe, devido à abundância de chuvas, há muita produção que pode ser exportada para Cabo Verde.

Espera-se que essas trocas comerciais comecem já nos próximos três meses, sendo, para tal, importante a questão dos transportes. Segundo o presidente da Câmara de Comércio de Sotavento, Jorge Spencer Lima, estão criadas as condições para dar o primeiro passo, uma vez que existe disponibilidade para o transporte dos produtos pela via área.

“A nível dos transportes nós temos duas vertentes. Neste momento podemos dizer que a vertente área está solucionada. Já temos um voo que faz o percurso Luanda/São Tomé/Sal e que tem alguma disponibilidade de carga. Já encetamos contactos com a TAAG para que em cada voo, que é bissemanal, tenhamos uma disponibilidade de carga com produtos de São Tomé para Cabo Verde e de Cabo Verde para São Tomé”, esclareceu.

O acordo foi assinado na presença do vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças, Olavo Correia, e do secretário de Estado santomense para áreas de Comércio e Indústria, Eugénio da Graça, que manifestaram o desejo de ver intensificadas as relações comerciais entre os dois países.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo