CEDEAO recomenda a Cabo Verde integração regional baseada na especificidade

O comissário cabo-verdiano da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) para os Recursos Humanos, Jeremias Dias Furtado, afirmou que Cabo Verde deve apostar numa integração regional baseada nas suas especificidades e especialidades, em áreas como a transformação produtiva e a cultura.

A recomendação ao país africano foi feita na cidade da Praia, durante a intervenção de Dias Furtado enquanto orador numa conferência sobre os desafios de integração política, económica e cultural na África Ocidental. Para o representante da CEDEAO, Cabo Verde deve reconhecer e aprofundar as características que lhe são próprias, como a sua insularidade.

“Não podemos ambicionar uma integração baseada em todas as áreas. Ou seja, temos de ter áreas específicas onde podemos fazer bem e melhor que os outros”, defendeu, tendo indicado, entre as áreas específicas, a transformação produtiva e a cultura, com destaque para a música. “Cabo Verde poderia ser para a CEDEAO um ponto de atração como o festival de Cannes”, comparou.

Recorde-se que, além de Cabo Verde, fazem parte da CEDEAO o Benim, Burkina Faso, Costa do Marfim, Gâmbia, Gana, Guiné-Conacri, Guiné-Bissau, Libéria, Mali, Níger, Nigéria, Senegal, Serra Leoa e Togo.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Cabo Verde: Edil da Câmara da Praia quer Polícia Municipal em 2023

Cabo Verde: Edil da Câmara da Praia quer Polícia Municipal em 2023

O presidente da Câmara Municipal da Praia (CMP), Francisco Carvalho, disse estar “expectante” com a implementação da Polícia Municipal em…
STP: 4 detidos morrem no quartel militar

STP: 4 detidos morrem no quartel militar

Quatro cidadão são-tomense que se encontravam detidos no quartel militar, depois da tentativa de invasão falhada, morreram na passada sexta-feira,…
Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

O Governo japonês investiu mais de 246.900 dólares em ações de desminagem na província do Cuanza Sul, segundo o Embaixador do…
Moçambique: Oficializado ensino via Internet no país

Moçambique: Oficializado ensino via Internet no país

O Parlamento moçambicano oficializou nesta semana o ensino via Internet no país. Assim, estudantes do ensino superior poderão passar a…