Saab diz ser vítima de tortura pelos EUA em Cabo Verde

O empresário colombiano-venezuelano Alex Saab denunciou que “os Estados Unidos têm quatro empregados naturais de Cabo Verde” encarregues de o torturar na prisão. A queixa foi feita nesta quarta-feira, 02 de setembro, através de uma carta citada pelo ‘El Mundo’.

Recorde-se que Saab encontra-se detido no arquipélago. O empresário, de 48 anos, está sob sanções de Washington desde junho de 2019. Tal acontece por ser, alegadamente, testa de ferro do Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, 

“Os Estados Unidos têm quatro empregados que entram na minha cela todas as noites e me espancam para que faça declarações falsas contra [Nicolás] Maduro”, pode ler-se na missiva.

Alex Saab foi detido a 12 de junho pela Interpol e pelas autoridades cabo-verdianas, durante uma escala técnica no Aeroporto Internacional Amílcar Cabral, na ilha do Sal. A detenção ocorreu com base num mandado de captura internacional emitido pelos Estados Unidos da América (EUA).

“Sou um enviado especial da Venezuela à Rússia e ao Irão, tenho imunidade diplomática e exijo a minha libertação”, defendeu-se assim o réu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

A ministra da Agricultura do Brasil Tereza Cristina anunciou que vai apresentar um plano nacional para produção de fertilizantes no…
Moçambique: exoneração de Membros do Governo

Moçambique: exoneração de Membros do Governo

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, no uso das competências que lhe são conferidas pela alínea a) do número…
Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

O governo brasileiro não aderiu a uma ação de 39 países que solicitaram a abertura de investigações formais contra o…
Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

A despeito da posição “neutra” declarada pelo presidente Jair Bolsonaro, o Brasil votou nesta quarta-feira (2) pela imediata retirada das…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin