CPLP reafirma multilateralismo no domínio da Defesa

O ministro da Defesa de Cabo Verde, Luís Filipe Tavares, afirmou nesta quinta-feira, 30 de maio, em Luanda, que os Estados-membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) continuam a trabalhar no quadro multilateral para haver mais segurança na região do Golfo da Guiné.

A afirmação foi feita à imprensa no final de uma audiência que o Presidente da República de Angola, João Lourenço, concedeu aos titulares da Defesa da CPLP.

O ministro cabo-verdiano acrescentou que existem muitos desafios no domínio da defesa para os Estados-membros desta comunidade, estando essencialmente ligados a questões relacionadas com a pirataria marítima e o tráfico de drogas e de seres humanos no Golfo da Guiné.

No que diz respeito à pirataria, informou que em 2017 foram registadas 400 ocorrências no referido local, o que levou os responsáveis a redobrarem esforços para porem fim a estas práticas criminosas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Reino Unido continua a fornecer mísseis antitanque à Ucrânia

Reino Unido continua a fornecer mísseis antitanque à Ucrânia

O Governo do Reino Unido confirmou nesta quarta-feira, 09 de março, que irá continuar a fornecer mísseis antitanque à Ucrânia. Trata-se…
BRASIL: Brasileiros deixam a Ucrânia enquanto o país discute situação agroalimentar

BRASIL: Brasileiros deixam a Ucrânia enquanto o país discute situação agroalimentar

O governo brasileiro informou que a Embaixada do Brasil em Kiev “permanece aberta e dedicada, com prioridade, desde o agravamento…
Guiné-Bissau: Ninguém sabe qual dos 8 vice-presidentes pode substituir o presidente do PRS

Guiné-Bissau: Ninguém sabe qual dos 8 vice-presidentes pode substituir o presidente do PRS

A directiva assinada pelo presidente do Partido da Renovação Social (PRS), Alberto Nambeia, de 17 de Janeiro, mas conhecida só…
Moçambique: Ataques Macabros em Macomia

Moçambique: Ataques Macabros em Macomia

Terroristas atacaram numa emboscada no Domingo passado 06 de Março um grupo de milicianos denominado por força local da aldeia…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin