Estudantes da Universidade de Coimbra distinguidos internacionalmente

Os estudantes Julianna Santos e Nirmal Kulkarni, do Departamento de Arquitetura (DARQ) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), foram distinguidos com o Prémio Professor José Galbinski e o IASTE Berkeley Paper Prize, respetivamente, anunciou a Instituição de Ensino Superior.

O artigo de Nirmal Kulkarni, denominado “Dinamics of Homecoming: Socio-spatial practices defining Hindu religious geographies from Marcel, Goa, India”, distinguido no Congresso IASTE 2024, na Arábia Saudita, examina as inusitadas procissões religiosas hindus de “regresso a casa” e a sua influência temporal no ambiente construído.

Anualmente, as divindades femininas protetoras de diversas aldeias circulam num “palkhi” carregado pelos devotos até suas casas. Através de dois estudos de caso, em Marcel, Goa, a investigação descobre marcadores cerimoniais ritualísticos e espaços domésticos no caminho processional, no sentido de chegar a uma interpretação de “casa”.

O estudo utiliza o “terceiro espaço” como quadro teórico e tenta abstrair um quadro conceptual para explorar estes fenómenos. Esta tradição inventada, não encontrada nas antigas tradições hindus, transformou-se ao longo do tempo, tornando-se uma prática sócio espacial anual dinâmica.

O artigo científico “Reinterpretação de Edifícios e Espaços Urbanos, pelos Azulejos de Delfim Amorim”, de Julianna Santos (em coautoria com Patrícia Oliveira e Liliana Adrião), premiado durante o V Seminário Internacional da Academia de Escolas de Arquitetura e Urbanismo de Língua Portuguesa – “Proximidades Distantes”, no Brasil, discute os resultados dos ateliês realizados nos Cursos de Arquitetura e Urbanismo das faculdades ESUDA e UNINASSAU, no Recife, com o objetivo de explorar a interseção entre arte e arquitetura, a reinterpretação de edifícios e dos espaços urbanos influenciados pelos padrões de azulejos de Delfim Amorim.

Enfatiza ainda a ligação entre a arquitetura moderna e a prática arquitetónica contemporânea, de modo a destacar a continuidade da utilização de azulejos portugueses re-imaginados por Amorim, arquiteto luso-brasileiro do século XX.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Macau: Região vai receber cinco modalidades dos Jogos Nacionais da China em 2025

Macau: Região vai receber cinco modalidades dos Jogos Nacionais da China em 2025

A comissão organizadora da 15ª edição dos Jogos Nacionais anunciou que a Região Administrativa Especial de Macau vai acolher as…
Moçambique: MDM continua sem data para realizar o Conselho Nacional

Moçambique: MDM continua sem data para realizar o Conselho Nacional

O Movimento Democrático de Moçambique (MDM) ainda não marcou uma data para realizar o Conselho Nacional. No entanto, o partido…
Universidades vão ter “semestre zero” para alunos dos PALOP

Universidades vão ter “semestre zero” para alunos dos PALOP

O estudo “Perfil do Estudante dos PALOP nas Instituições do Ensino Superior em Portugal: caracterização, expectativas, constrangimentos”, realizado pelo Centro…
Angola poupa 15 milhões de euros ao reduzir contratos de professores estrangeiros

Angola poupa 15 milhões de euros ao reduzir contratos de professores estrangeiros

O Ministério do Ensino Superior de Angola informou que o Governo vai poupar, em 2024, cerca de 15 milhões de…