Guiné-Bissau | Segurança

Bubo Na Tchuto poderá ser libertado “imediatamente”

O Almirante José Américo Bubo Na Tchuto, detido pelos EUA desde abril 2013, foi condenado esta quarta-feira a quatro anos de prisão, dos quais a maior parte já cumpriu.

Na Tchuto é acusado de “conspiração na facilitação do transporte de cocaína para os Estados Unidos”, confirmou a Reuters.

Segundo o juiz Richard Berman de Manhattan depois de Na Tchuto ter sido detido, e confessar ser culpado, colaborou ativamente com as autoridades americanas. Uma colaboração que contribuiu na aplicação de uma pena leve.

No entanto, com o “bom comportamento” registado durante o período de encarceração, Bubo Na Tchuto poderá ser libertado “imediatamente”, disse o seu advogado, Patrick Joyce.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo