Cipriano Cassamá vai apresentar proposta para saída da crise

Os membros da Comissão Permanente da Assembleia Nacional Popular (ANP) da Guiné-Bissau reprovaram esta quarta-feira, 22 de fevereiro, a proposta da agenda que visava a convocação da sessão ordinária. Uma sessão que deveria analisar, discutir e eventual aprovar o programa do executivo liderado por Umaro Sissoko Emablo.

Aliás, a sessão, cuja data conforme o projeto da reunião, teria lugar a 27 de fevereiro.

A proposta da agenda da reunião foi chumbada por oito membros de comissão da bancada do PAIGC que reafirmam a necessidade do cumprimento do acordo de Conacri.

Reagindo à situação, o Presidente do parlamento guineense afirmou que com a reprovação da agenda, irá apresentar ao Chefe de Estado, Mário Vaz, uma proposta, não revelada que visa a saída da crise política que o país conhece até aqui.

Enquanto isso, António Artur Sanhá, membro da Comissão Permanente da bancada do PRS, com cinco votos a favor da convocação da sessão ordinária, espera que a iniciativa de Cipriano Cassamá responda as expectativas.

Adão Ramalho

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Revista de Imprensa Lusófona de 27 de maio de 2024

Revista de Imprensa Lusófona de 27 de maio de 2024

No Brasil o portal de notícias “globo.com” refere que “Tragédia no RS é usada para golpes de anúncios falsos e…
Discurso do Líder do Hezbollah no rescaldo da morte do Presidente do Irão

Discurso do Líder do Hezbollah no rescaldo da morte do Presidente do Irão

Sayyed Hassan Nasrallah, o Secretário-Geral do Hezbollah, deu um discurso aos seus apoiantes, na passada sexta-feira, com críticas e ameaças…
Recorde mínimo de gelo marinho na Antártida seria “extremamente improvável” sem alterações climáticas

Recorde mínimo de gelo marinho na Antártida seria “extremamente improvável” sem alterações climáticas

Um grupo de cientistas do British Antarctic Survey descobriu que os níveis recorde de gelo marinho, na Antártida, em 2023,…
STP: País recebe apoio financeiro da ONU apoia para reformar Justiça e Segurança

STP: País recebe apoio financeiro da ONU apoia para reformar Justiça e Segurança

A Comissão de Consolidação da Paz, da ONU, realizou, nos dias 13 a 15 de maio, uma visita a São…