Emissões da RDP África e RFI foram interrompidas na Guiné-Bissau

As emissões da Rádio Difusão Portuguesa (RDP) e da Rádio França Internacional (RFI) estão condicionadas às emissões da Rádio Difusão Nacional  (RDN), cujos funcionários iniciaram, esta quinta-feira, um novo regime laboral. Esta paralisação afecta o centro de retransmissão de Nhacra utilizado pela RDP e RFI.

Depois do Governo ter cortado os subsídios de alguns jornalistas e técnicos, no quadro da reforma do reajuste salarial na função pública, os funcionários da Rádio e do Jornal estatal assim como da Agência Nacional de notícias, decidiram observar o período normal de expediente das 08:00 às 16:00 horas. Assim, tal como o resto dos funcionários públicos, os jornalistas, técnicos e administrativos dos órgãos de comunicação social estatais, observam 8 horas de serviço.

Os profissionais da Televisão Pública, onde foi registado o maior número de funcionários afectados, recusou observar o protesto, alegando incoerências na acção do sindicato e a falta de transparência por parte da direcção da TGB (Televisão da Guiné-Bissau) e do próprio Ministério da Comunicação Social, suspeitos de dilatar a lista dos funcionários da televisão abrangidos pelos subsídios.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Teatro da Trindade estreia "Nuvem"

Teatro da Trindade estreia "Nuvem"

O espetáculo “Nuvem”, de Carlos Manuel Rodrigues, vencedor da 4ª Edição do Prémio Miguel Rovisco – Novos Textos Teatrais, estreia…
Cabo Verde: Edil da Câmara da Praia quer Polícia Municipal em 2023

Cabo Verde: Edil da Câmara da Praia quer Polícia Municipal em 2023

O presidente da Câmara Municipal da Praia (CMP), Francisco Carvalho, disse estar “expectante” com a implementação da Polícia Municipal em…
STP: 4 detidos morrem no quartel militar

STP: 4 detidos morrem no quartel militar

Quatro cidadão são-tomense que se encontravam detidos no quartel militar, depois da tentativa de invasão falhada, morreram na passada sexta-feira,…
Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

O Governo japonês investiu mais de 246.900 dólares em ações de desminagem na província do Cuanza Sul, segundo o Embaixador do…