Guiné-Bissau

Guiné-Bissau confirma dois primeiros casos de Covid-19

O anúncio dos primeiros casos de Covid-19 na Guiné-Bissau foi feito pelo Presidente da Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló, na sua página no Facebook, sendo posteriormente reconfirmado pelo chefe do Governo, Nuno Nabiam

“Recebi com muita consternação a confirmação dos dois primeiros casos de Coronavírus na Guiné-Bissau”, escreveu na sua conta o Sissoco Embaló.

Na publicação Embaló exortou aos guineenses a necessidade de agir em conjunto para combater o COVID-19, alertado que os casos podem aumentar de forma assustadora.

O Governo de Nuno Nabiam acredita poder ultrapassar esta pandemia, apesar de não reunir os meios e materiais adequados para detectar o vírus, quando vários países no mundo já adoptaram múltiplas medidas, tais como o Senegal que decretou o estado de Emergência, bem como a quarentena obrigatória

O continente africano já registou cerca 2.000 casos contaminados e 58 mortes do COVID-19, em 45 países africanos, segundo as estatísticas no mapa online da OMS.

Esta quarta-feira foram igualmente identificados primeiros casos de contaminação na Líbia e Mali, assim como registados os primeiro mortos da infecção em Cabo Verde e Níger.

Laurena Carvalho Hamelberg

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo