Guiné-Bissau: Idriça Djaló quer inquérito independente sobre ataque ao Palácio do Governo

GB Idriça Djaló

O líder do Partido de Unidade Nacional (PUN), Idriça Djaló, exigiu um inquérito independente, transparente e isento sobre o ataque ao Palácio do Governo a 1 de Fevereiro.

Idriça Djaló, que falava esta terça-feira 15 de Fevereiro durante uma conferência de imprensa, disse condenar o acto. “Condenamos a utilização, mais uma vez, de violência na vida política guineense”, referiu o líder do PUN, que disse já ter proposto ao Presidente da República e a toda classe política para que “esta tragédia” seja aproveitada no sentido de se sentar a mesma mesa, com vista a discutir os problemas da Guiné-Bissau.

“É que na verdade somos grandes especialistas em criar violência e autodestruição. Mas, o mais importante na democracia é a capacidade do diálogo, sobre o qual não estamos ainda à altura”, vincou Idriça Djaló.   

Para o presidente do Partido de Unidade Nacional é preciso mudar a cultura política, escolher o diálogo e a capacidade de construir compromissos como forma de gerir os problemas.

Idriça Djaló defendeu ainda que há um problema sério na Guiné-Bissau. “Durante anos, desde o início da liberalização política, nem os partidos com maiorias absolutas conseguiram governar pacificamente. Quer dizer que há um problema de fundo na Guiné-Bissau, agravados com narrativas étnicas e religiosas”, vincou.  Por isso, o líder do PUN convida os actores políticos para um debate público.

O Partido de Unidade Nacional (PUN) é uma formação extraparlamentar, mas que tem surgido com várias propostas para ultrapassar as constantes situações de instabilidade na Guiné-Bissau. Uma das propostas sobre a qual não reuniu ainda o consenso entre os actores políticos guineenses está relacionada com “Estados Gerais sobre a Guiné-Bissau”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Governo libanês reverte apelo para investigar crimes de guerra de Israel no Líbano

Governo libanês reverte apelo para investigar crimes de guerra de Israel no Líbano

Esta semana, o governo libanês anunciou que pretende recuar no pedido de investigações de crimes de guerra israelitas em solo…
Cabo Verde: Santa Catarina já conta com centro multifuncional para crianças especiais

Cabo Verde: Santa Catarina já conta com centro multifuncional para crianças especiais

Foi inaugurado, segunda-feira, em Santa Catarina, o Centro de Cuidados de Crianças e Adolescentes com Necessidades Especiais. Localizado no edifício…
África do Sul: Comissão Eleitoral Independente continua a processar os resultados da eleição de 29 de Maio

África do Sul: Comissão Eleitoral Independente continua a processar os resultados da eleição de 29 de Maio

Os órgãos eleitorais da África do Sul esperaram concluir este fim-de-semana a contagem dos votos das eleições gerais de 29…
Brasil: A Fundação AIS está solidária com as vítimas das trágicas inundações

Brasil: A Fundação AIS está solidária com as vítimas das trágicas inundações

A organização internacional católica Ajuda à Igreja que Sofre (Fundação AIS) está em estreito contacto com os seus parceiros locais…