Guiné-Bissau

Guiné-Bissau: Jovens do PAIGC, APU-PDGB, UM e PND exigem nomeação de novo PM

A manifestação que decorreu sob uma forte presença policial, não registou qualquer incidente, tendo os manifestantes tecido duras criticas contra o Presidente da República, José Mário Vaz, que depois de mais de dois meses da realização das eleições legislativas ainda não nomeou um novo Primeiro-Ministro.

Uma nomeação que à luz da Constituição a República recai sobre Domingos Simões Pereira, presidente do PAIGC, enquanto vencedor das últimas eleições legislativas.

Os manifestantes acusam o Presidente de violar sistematicamente a Constituição da República, no entanto o chefe de Estado terá garantido às mulheres facilitadoras do diálogo, que vai nomear o nome que for proposto pelo PAIGC, sem contudo precisar uma data.

Informações disponíveis indicam que José Mário Vaz deverá reunir esta quinta -feira com os dirigentes do MADEM-G15. Durante esta reunião o presidente tentará “convencê-los em aceitar Domingos Simões Pereira”, facto que um alto dirigente partidário considera de “aberração”, por parte do chefe de Estado.

“Trata-se de uma norma constitucional, para quê tudo isso? Se MADEM-G15, vai ser mesmo ouvido pelo Presidente, no quadro da nomeação de um novo Primeiro-Ministro, na qualidade do partido com assento parlamentar, para que serve o encontro?”, interroga a fonte, para quem, “tudo isso é mais uma prova que o Presidente José Mário Vaz, está sob controlo de alguém”.

O Presidente da República, José Mário Vaz, afirmara na última sexta-feira que “a nomeação de um governo depende de todos os guineenses”.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo