Guiné-Bissau

Guiné-Bissau: Líder do PAIGC legaliza candidatura às presidenciais

Domingos Simões Pereira, líder do Partido Africano da Independência da Guiné-Bissau e Cabo Verde (PAIGC), entregou esta terça-feira, 17 de Setembro, no Supremo Tribunal de Justiça a sua candidatura que torna legítima a sua participação na corrida para a eleição presidencial de Novembro.

O líder dos “Libertadores” considera que é uma candidatura de estabilidade que convocará povo guineense a favor de um país diferente, e defende que o povo só tem uma única escolha que é votar no candidato do PAIGC, disse Domingos Simões Pereira, que acredita que irá abrir uma nova página na história do país.

O presidente do PAIGC anunciou também que o lema da sua campanha eleitoral será “Pa tchon fria e pa terra ranka”. Tendo em conta que a partir do dia 24 de Novembro a população terá um advogado e alguém que falará em nome dos guineenses, e só assim poderá combater a desigualdade no país, disse Simões Pereira.

Laurena Carvalho Hamelberg

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo