Guiné-Bissau

Guiné-Bissau não dispõe de infra-estruturas para lidar com o Coronavírus

O director geral do Hospital Nacional Simão Mendes, Agostinho Semedo, garante que a Guiné-Bissau não dispõe de infra-estruturas adequadas para lutar contra a pandemia do Novo Coronavírus / Covid-19.

“Nós estamos a preparar o lugar, para se existir um caso grave transportar para cá, mas não temos infra-estruturas para lidar com o problema”, frisou Semedo.

Agostinho Semedo falava à e-Global esta terça-feira, 31 de Março, tendo destacado que a desorganização é um dos pontos que pode aumentar a propagação do vírus. “O povo guineense é um povo desorganizado, os trabalhadores têm de parar e ir para casa, os jovens têm de parar de sentar nas ruas em grupos”, disse.

Segundo Agostinho Semedo as forças de defesa e segurança deveriam agir e impedir as pessoas de se deslocarem sem motivos urgentes, e obrigar a população a permanecer em casa. Para director geral do Hospital Nacional Simão Mendes “o povo pode comer hoje e depois aguentar um dia e comer no outro dia”, uma opção que é preferível a arriscar a vida e ficar contaminado.

Relativamente às críticas que circulam nas redes sociais guineenses, referentes ao local onde foram instaladas tendas para os infectados com Covid-19, o director do hospital defende que estas foram instaladas por um técnico especialista que alegou que é o melhor lugar para evitar que uma pessoa infectada não contamine outras na mesma instituição hospitalar.

Laurena Carvalho Hamelberg

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo