Crise | Guiné-Bissau

Guiné-Bissau: PAIGC responde a José Mário Vaz e indica Domingos Simões Pereira para o cargo de PM

Domingos Simões Pereira

Em resposta à carta desta segunda-feira, 17 de Junho, do Presidente guineense José Mário Vaz, o Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) indicou, sem surpresa, Domingos Simões Pereira, presidente do partido, para exercer as funções de primeiro-ministro (PM).

Mais de três meses depois das eleições legislativas na Guiné-Bissau, cujo partido mais votado foi o PAIGC, José Mário Vaz optou por arrastar a nomeação do primeiro-ministro, alegando a necessidade de estar composta a Mesa da Assembleia Nacional Popular (ANP), bloqueada no desacordo sobre o nome que deve ocupar a função de segundo vice-presidente do parlamento.

Na recta final do mandato presidencial, perante pressões da Comunidade Internacional, e quando vai chegar a Bissau uma delegação Ministerial da CEDEAO assim como do Conselho de Paz e Segurança da União Africana, José Mário Vaz acabou por ceder convidando o PAIGC a indicar o nome do futuro primeiro-ministro, o qual indicou Domingos Simões Pereira.

© e-Global Notícias em Português
2 Comentários

2 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo