Guiné-Bissau: PRS lamenta a incapacidade do Governo de Nuno Nabiam

Nuno Nabiam

O Partido da Renovação Social (PRS) lamentou a “incapacidade” do Governo liderado por Nuno Gomes Nabiam em dar resposta às problemáticas sociais, com destaque para os sectores da Educação e Saúde, e considera que o executivo guineense tem optado por “caminhos descabidos, incompreensíveis e inaceitáveis”.

A posição dos “Renovadores” foi tornada pública esta quinta-feira 29 de Setembro pelo seu presidente em exercício, Fernando Dias, durante uma conferência de imprensa realizada na sede do partido em Bissau.

O encontro com os jornalistas serviu para o Partido da Renovação Social posicionar-se sobre o recente despacho do presidente do Supremo Tribunal da Justiça, José Pedro Sambú, que ordenou que os partidos políticos provem as suas existências legais num prazo de 30 dias.

Fernando Dias disse que a decisão do Supremo Tribunal da Justiça “só podia ser uma actuação de intenções ocultas antecipadas”.

O Presidente em exercício do PRS [partido que detém pastas ministeriais no actual governo] esclareceu que a sua formação partidária está longe das políticas e decisões do executivo, liderado por Nuno Gomes Nabiam, pelo que “não tem responsabilidade perante a situação negativa do país”.

“As decisões são tomadas em Conselho de Ministros e que obrigam os inferiores hierárquicos à sua aplicação, pelo que não há como responsabilizar o PRS desta má governação”, salientou Fernando Dias.

O presidente do PRS reconheceu ainda a existência de ministros militantes do partido no actual governo, mas que “actuam exclusivamente sob orientação de quem preside as reuniões do Conselho de Ministros”. O dirigente destacou ainda que o PRS “nunca formalizou a sua entrada no actual governo”.

Os ministros da Educação e de Saúde, sectores mais críticos na actualidade, são militantes e dirigentes do PRS. O Partido da Renovação Social é a terceira força política da X legislatura na Guiné-Bissau.

Mamandin Indjai

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Maláui: Brigada Anticorrupção manda prender oito funcionários da Migração por suspeita de corrupção 

Maláui: Brigada Anticorrupção manda prender oito funcionários da Migração por suspeita de corrupção 

Oito funcionários do Departamento da Migração de Lilongue e mais dois civis foram, esta quinta-feira (11), detidos por suspeita de…
Portugal: Aposta na inovação no setor agroindustrial marcou celebração de 15 anos da InovCluster em Castelo Branco

Portugal: Aposta na inovação no setor agroindustrial marcou celebração de 15 anos da InovCluster em Castelo Branco

A InovCluster – Associação do Cluster Agroindustrial do Centro, uma das mais destacadas instituições no setor, localizada em Castelo Branco,…
Guiné-Bissau: Nabiam acusa Sissoco de pretender eliminar líderes políticos guineenses

Guiné-Bissau: Nabiam acusa Sissoco de pretender eliminar líderes políticos guineenses

O antigo Primeiro-ministro e líder da APU-PDGB, Nuno Gomes Nabiam, acusou, esta quinta-feira, 11 de Julho, o Presidente da República…
Moçambique: Actividade Económica continuou fechada na vila de Macomia enquanto FADM justifica a razão da morte de um comerciante local 

Moçambique: Actividade Económica continuou fechada na vila de Macomia enquanto FADM justifica a razão da morte de um comerciante local 

Na terça-feira (9) a vila de Macomia, centro de Cabo Delgado, ficou agitada na sequência de uma manifestação da população…