Guiné-Bissau

Guiné-Bissau: Sissoco Embaló anuncia serviço militar obrigatório

Forças armadas Guiné-Bissau

O Presidente da República, Umaro Sissoco Embaló, anunciou, que em breve, será estabelecido o serviço militar obrigatório no país, para os cidadãos que tenham terminado, no mínimo, 12 ano de escolaridade.
Esta quarta-feira, 19 de Agosto, depois da reunião do Conselho de Defesa Nacional, Sissoco Embaló condenou “com veemência” o golpe de Estado no Mali que depôs o Presidente Ibrahim Boubacar Keita (IBK).

Na mesma ocasião, Embaló insistiu na tolerância zero contra os narcotraficantes bem como nos casos de corrupção no país.

Informou ainda que a presidência da República já recebeu a notificação da retirada da Ecomib na Guiné-Bissau, tendo abordado também o fim da missão do Gabinete Integrado das Nações Unidas na Guiné-Bissau (UNIOGBIS).

Milena Fernado Quibina

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo