Guiné-Bissau

Orange Bissau obrigada a pagar mais de 1 milhão USD

A Autoridade Reguladora Nacional (ARN), entidade responsável pela regulação de telecomunicações na Guiné-Bissau, aplicou uma multa avaliada em mais de 1 milhão de USD à empresa multinacional de telecomunicações, Orange Bissau, em virtude da greve dos funcionários, observada a partir de 9 de agosto.

Segundo a ARN, esta multa deve ser paga no prazo máximo de 30 dias, a contar da data de notificação, que segundo fontes da entidade, já foi entregue a empresa desde esta quinta-feira.

A Autoridade Reguladora Nacional argumenta que Orange Bissau violou o caderno de encargos, sobre qual é obrigada a respeitar, tendo criado enormes “prejuízos” aos clientes da companhia.

Orange Bissau, que é também maior empresa de fornecimento dos serviços Internet na Guiné-Bissau, não respondeu ainda a notificação da ARN sobre aplicação da referida multa.

Lassana Cassamá

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo