Guiné Equatorial considera que “petróleo e gás são bons para África”

O ministro das Minas e Hidrocarbonetos da Guiné Equatorial, Gabriel Obiang Lima, defendeu que “petróleo e gás são bons para África” durante a participação na Conferência Africa Oil & Power, realizada na Cidade do Cabo, África do Sul.

“Petróleo e gás são bons para África. Vou repetir, petróleo e gás são bons para África”, reiterou o governante e também filho do Presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Nguema, nesta quarta-feira, 09 de outubro, na abertura da cimeira, acrescentando que “o futuro dos recursos em África será o gás”.

O presidente do conselho de administração da Africa Oil & Power (AOP), Guillaume Doane, disse igualmente na abertura do congresso que a indústria energética é “o motor económico do continente africano”. “Devemos e podemos fazer mais para atrair mais investimento”, sublinhou, considerando que “agora é o tempo para África ser o destino líder do investimento energético global”.

Por sua vez, o ministro do Petróleo e da Energia do Senegal, Mouhamadou Makhtar Cissé, que falou em nome do Presidente do país, Macky Sall, mencionou que “a visão presidencial para o espaço do petróleo e do gás é conduzida por um objetivo-chave: conteúdo local” e que esta “não é apenas uma componente notável da inclusão social e da criação de emprego, também faz sentido do ponto de vista económico”.

Já o presidente da Câmara de Energia Africana, NJ Ayuk, apontou a necessidade de relações mais próximas entre os países africanos. “Precisamos de ver as nações africanas a relacionarem-se mais, visto que o diálogo intra­-africano se tem mantido muito parco, dado o potencial dos recursos energéticos no nosso continente”, afirmou o empresário camaronês.

A conferência decorre até esta sexta-feira, dia 11, estando previstas várias iniciativas, incluindo o lançamento de relatórios de investimento da ‘Africa Energy Series’ sobre Angola, Senegal e África do Sul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Banco de Portugal fala de poucos oligarcas russos visados pelas sanções

Banco de Portugal fala de poucos oligarcas russos visados pelas sanções

O Banco de Portugal (BdP) instruiu os bancos para congelarem as contas de oligarcas russos, no âmbito das sanções aplicadas…
Moçambique: Deslocados autorizados a regressar a Mocímboa da Praia

Moçambique: Deslocados autorizados a regressar a Mocímboa da Praia

A Secretaria Distrital de Mocímboa da Praia, vila moçambicana da província de Cabo Delgado, informou as autoridades do distrito de Palma…
Guiné-Bissau satisfeita com a visita do primeiro-ministro português António Costa

Guiné-Bissau satisfeita com a visita do primeiro-ministro português António Costa

“A visita do primeiro-ministro [português] deixou os guineenses contentes. Portugal é um país irmão e não um amigo da Guiné-Bissau”,…
Ucrânia: Lviv não consegue acolher mais refugiados

Ucrânia: Lviv não consegue acolher mais refugiados

O presidente da Câmara de Lviv, Andriy Sadoviy, informou à “Reuters” que a cidade esgotou a sua capacidade para acolher…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin