Guiné Equatorial e França reforçam cooperação contra pirataria

O Vice-Presidente da Guiné Equatorial e encarregado da Defesa e Segurança, Teodoro Nguema Obiang Mangue, recebeu em audiência o Embaixador da França credenciado no país africano, Olivier Brochenin, nesta quinta-feira, 26 de novembro. 

Os representantes dos dois países fortaleceram então a cooperação na luta conjunta contra a pirataria marítima no Golfo da Guiné. Outro dos temas da reunião foi o funcionamento e importância da Escola Naval de Tika, inaugurada a 28 de julho de 2019. 

Malabo e Paris consolidam assim cada vez mais a cooperação bilateral, principalmente no que diz respeito ao setor de Defesa e Segurança. 

A vontade da Guiné Equatorial e da França foi manifestada na nomeação que o Vice-presidente equato-guineense concedeu ao diplomata francês no Palácio do Povo de Malabo. Obiang e Brochenin reafirmaram desta forma o desejo de os dois governos continuarem a apoiar-se mais no setor militar. 

Ambos referiram ainda a necessidade de serem redobradas estratégias para haver eficácia contra os ataques piratas na área do Golfo da Guiné, que aumentaram 40% nos primeiros nove meses deste ano, segundo o International Maritime Organization.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Cabo Verde: PAICV diz que povo é condicionado pela criminalidade na Praia

Cabo Verde: PAICV diz que povo é condicionado pela criminalidade na Praia

A deputada Adélcia Almeida, do PAICV, partilhou nesta terça-feira, 10 de janeiro, que o partido verificou no terreno que a população…
Angola: UNITA pede autárquicas e MPLA pede-lhe colaboração

Angola: UNITA pede autárquicas e MPLA pede-lhe colaboração

O secretário provincial da UNITA em Luanda, Nelito Ekuikui, desafiou o Presidente da República de Angola, João Lourenço, a cumprir…
Cabo Verde: UCID teme manifestações internacionais

Cabo Verde: UCID teme manifestações internacionais

O líder da UCID, João Santos Luís, considera importante o “país proteger as instituições democráticas, para se livrar das manifestações…
Brasil integra lista de países com mais candidaturas apresentadas pelos emigrantes ao Programa Regressar

Brasil integra lista de países com mais candidaturas apresentadas pelos emigrantes ao Programa Regressar

Com o intuito de apoiar os emigrantes portugueses, bem como os seus descendentes e outros familiares, que desejam voltar a…