Guiné Equatorial não elimina tráfico de pessoas

O Governo equato-guineense está a ser criticado por não cumprir os padrões mínimos para a eliminação do tráfico de seres humanos. Esta foi a conclusão a que chegou o Departamento de Estado norte-americano. 

A entidade divulgou um relatório acerca do tema, onde, ainda assim, reconheceu que o país africano está a fazer alguns esforços para eliminar o problema. “Esses esforços incluíram processar dois potenciais casos de tráfico, desenvolvendo triagem formal das vítimas e procedimentos de encaminhamento”, pode ler-se. 

O documento sobre Tráfico Humano de 2021, elaborado pelo Governo dos Estados Unidos da América (EUA), indica que foram investigados apenas dois potenciais casos de tráfico no país. Desta forma, concluiu-se que o Governo equato-guineense “não demonstrou esforços crescentes” no combate ao crime em questão. 

“Além disso houve alegações de cumplicidade de oficiais militares envolvidos num esquema de tráfico sexual para Espanha”, indica. 

O Departamento de Estado norte-americano recomenda então que a Guiné Equatorial deve aumentar os esforços para investigar e processar traficantes e identificar proativamente as vítimas, entre as quais crianças trabalhadoras, mulheres no sexo comercial e trabalho doméstico, além de trabalhadores da construção civil, imigrantes sem documentos, norte-coreanos e chineses. 

São igualmente recomendadas alterações à lei contra o tráfico de seres humanos e mais formação e apoio financeiro a organizações não-governamentais que trabalham com vítimas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

STP: MLSTP acredita na vitória nas eleições

STP: MLSTP acredita na vitória nas eleições

O Presidente do Movimento de Libertação de São Tomé e Príncipe/Partido Social Democrata (MLSTP/PSD) Jorge Bom Jesus, acredita numa “vitória”…
STP: Acabou a campanha para as eleições do próximo dia 25

STP: Acabou a campanha para as eleições do próximo dia 25

Terminou esta sexta-feira em São Tomé e Príncipe, a campanha eleitoral para as eleições legislativas, autárquicas e regionais marcada para…
Angola: Remessas dos portugueses no país sobem 37,5%

Angola: Remessas dos portugueses no país sobem 37,5%

As remessas da diáspora portuguesa em Angola aumentaram 37,5% em julho, o que significa 41,3 milhões de euros. Estes são…
Cabo Verde: Dívida pública atingiu 152,5% do PIB

Cabo Verde: Dívida pública atingiu 152,5% do PIB

O Ministério das Finanças de Cabo Verde indica que o ‘stock’ da dívida pública aumentou, até julho, 152,5% do Produto Interno…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin