Guiné Equatorial: Opositor do regime detido após ataque policial

O presidente do partido equato-guineense Cidadãos para a Inovação (CI), Gabriel Nsé Obiang, foi detido nesta quinta-feira, 29 de setembro. A detenção terá decorrido depois de agentes da polícia terem atacado a sede do a formação política da oposição, ilegalizada em 2018. 

As autoridades cercaram a sede durante vários dias, segundo a televisão estatal TVGE. Depois a polícia lançou uma operação em que usou gás lacrimogéneo. 

No decorrer desse acontecimento, um agente foi morto “a tiros por um apoiante de [Gabriel Nsé] Obiang” e vários ficaram feridos. O dirigente acabou por ser detido juntamente com apoiantes do CI e foram transferidos para as instalações da Brigada da Polícia Judiciária de Malabo, capital do país. 

O motivo da prisão deve-se, alegadamente, ao facto de o político ter recusado comparecer numa reunião com o Ministério Público a 21 de setembro “para apurar fatos que, se verificados, poderiam constituir crimes graves”, informa a TVGE. 

Nsé Obiang publicou na rede social Twitter a 20 de setembro que o Presidente da República, Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, “quer a minha eliminação política e física no meu país”

Segundo o próprio, o motivo deve-se ao facto de o chefe de Estado saber “que desta vez quero apresentar a minha candidatura à presidência da Guiné Equatorial, vencendo-o nas urnas e, para o evitar, ordenou aos seus procuradores políticos que façam uma falsa acusação contra mim”.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Moçambique: FMI prevê elevado crescimento do crédito à economia

Moçambique: FMI prevê elevado crescimento do crédito à economia

O Fundo Monetário Internacional (FMI) estima um crescimento considerável do crédito à economia em 2023 para Moçambique.  Se isso se…
Angola: Governo entrega proposta do OGE 2023 até 15 de dezembro

Angola: Governo entrega proposta do OGE 2023 até 15 de dezembro

O Governo angolano assegurou nesta quinta-feira, 24 de novembro, que vai entregar a proposta do Orçamento Geral do Estado (OGE)…
Cabo Verde regista três casos da sub-linhagem da variante Ómicron “BQ.1.1”

Cabo Verde regista três casos da sub-linhagem da variante Ómicron “BQ.1.1”

Segundo a Ministra da Saúde de Cabo Verde, Filomena Gonçalves, desde o início de novembro houve um pequeno aumento dos…
Portugal reconhece qualificações académicas de 100 refugiados ucranianos

Portugal reconhece qualificações académicas de 100 refugiados ucranianos

A Direção-Geral do Ensino Superior (DGES) de Portugal já reconheceu as qualificações académicas de cerca de 100 cidadãos ucranianos desde…