Guiné Equatorial: PR disputará presidenciais com dois candidatos

São dois os candidatos que vão disputar as eleições presidenciais equato-guineenses com o atual Presidente da República, Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, que está no poder há 43 anos. 

A data do sufrágio está marcada para 20 de novembro e a Comissão Eleitoral Nacional (CEN) já encerrou o prazo das candidaturas. Recorde-se que nesse dia não irão decorrer apenas eleições presidenciais, mas também legislativas, senatoriais e municipais. 

Os candidatos à Presidência foram oficialmente admitidos pela CEN, segundo a televisão estatal TVGE, citada pelas agências internacionais neste domingo, 17 de outubro. A lista conta com Andrès Esono Ondo, que concorre pela primeira vez e pela CPDS, e Buenaventura Monsuy Asumu, que concorre pela terceira vez e pelo PCSD. 

Já Teodoro Mbasogo concorre pelo PDGE, partido único até 1991 e que detém, atualmente, 99 dos 100 lugares da Assembleia nacional cessante e a totalidade dos 55 assentos do Senado.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Stoltenberg diz que nenhum país da NATO está sob ameaça imediata da Rússia

Stoltenberg diz que nenhum país da NATO está sob ameaça imediata da Rússia

O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, declarou nesta sexta-feira, 07 de junho, que não existe ameaça militar imediata da Rússia…
Lisboa e Florianópolis conectadas por três novas ligações semanais pela TAP

Lisboa e Florianópolis conectadas por três novas ligações semanais pela TAP

A TAP Air Portugal vai voar para Florianópolis, capital do Estado de Santa Catarina, no sul do Brasil, a partir…
Angola: Venâncio relança preparação de candidatura à presidência do MPLA

Angola: Venâncio relança preparação de candidatura à presidência do MPLA

O antigo pré-candidato à liderança do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA), António Venâncio, convocou uma conferência de imprensa…
Cabo Verde continua a querer ter 100% de energia renovável em 2040

Cabo Verde continua a querer ter 100% de energia renovável em 2040

O vice-primeiro-ministro e também ministro das Finanças de Cabo Verde, Olavo Correia, reafirmou a convicção de que o país está…