Guiné Equatorial

Guiné Equatorial: Presidente financia construção de escola para refugiados

Presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang

O Presidente da República da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Nguema, fez uma doação financeira a 18 de junho para o campo de refugiados de Sor, na Etiópia, para a construção de uma escola no local, cujas obras irão começar em breve.

O Embaixador equato-guineense na Etiópia, Crisantos Obama Ondo, entregou nesta segunda-feira, 15 de julho, o cheque de 50 mil dólares (cerca de 44.374 euros) ao representante residente do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), Cosmas Chanda, por o projeto de construção.

A cerimónia de entrega da doação teve lugar na sede da Missão Permanente da Guiné Equatorial em Adis Abeba, onde esteve presente a Comissária da União Africana (UA) para os Assuntos Políticos, Minata Samate Cesuma, em representação do Presidente da Comissão da UA, Mussa Faki Mahamad.

A representante da Comissão da UA e o representante do ACNUR agradeceram a Obiang Nguema e ao Governo da Guiné Equatorial pelo compromisso mantido com a causa humanitária e pelo pragmatismo existente a favor da integração africana.

Samate Cesuma manifestou também a sua apreciação em relação à iniciativa da primeira-dama equato-guineense, Constância Mangue de Obiang, em acomodar sete famílias do mesmo campo de refugiados.

Além do representante do ACNUR em Addis Abeba ter garantido que o dinheiro será usado exclusivamente para a construção da escola, disse ainda que o desenho e a construção da mesma irão ser confiados a uma empresa especializada. Já a inspeção periódica a estas obras ficará a cargo do Embaixador Crisantos Obama Ondo.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo