Guiné Equatorial: Produção petrolífera desceu em novembro

A Guiné Equatorial teve uma descida ligeira da produção petrolífera diária em novembro para 104 mil barris. Tal representou uma quebra de cerca de mil barris por dia. 

Os dados foram partilhados pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), através do mais recente relatório mensal, baseado em fontes secundárias da organização. O mesmo documento indica que a produção petrolífera equato-guineense registou uma tendência de estabilização nos últimos três meses. 

Em setembro, a contagem da OPEP alcançou os 103 mil barris diários. Esse número aumentou no mês seguinte, para cerca de 104 mil barris por dia. 

No entanto, o documento salientou igualmente a quebra de quase 10 mil barris diários, comparativamente à média de 112 mil do terceiro trimestre de 2020. 

O país continua a ser então o país entre os 13 membros da OPEP com menor produção petrolífera. Entre os menores produtores desta organização estão também o Gabão (179 mil barris por dia), República do Congo (282 mil barris) e Venezuela (407 mil barris).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Renamo comenta "invenção da Frelimo" sobre Junta Militar

Moçambique: Renamo comenta "invenção da Frelimo" sobre Junta Militar

O secretário-geral da Renamo, André Mangibire, afirmou à “STV” que duvida da existência de um novo líder da Junta Militar…
Timor-Leste: Candidatos presidenciais assinam pacto da unidade nacional

Timor-Leste: Candidatos presidenciais assinam pacto da unidade nacional

A maioria dos candidatos presidenciais assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pacto da unidade nacional. O objetivo é assegurar a…
Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Já estão abertas as inscrições para uma formação gratuita em Marketing Digital na ilha da Brava, avança “A Nação”. Esta…
Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pedido formal de adesão à União Europeia…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin