Guiné Equatorial: Quase 100 empresas fora das listas do Estado

Vice-Presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Nguema Obiang Mangue

A Guiné Equatorial recuperou mais de 628 milhões de francos CFA através da luta anticorrupção, levada a cabo no país pelo Vice-Presidente, Teodoro Nguema Obiang Mangue. A informação consta em relatórios apresentados por uma comissão de Finanças, Economia e Planeamento. 

Os documentos foram apesentados ao governante no Palácio da África, em Bata. Nos mesmos é ainda referida a existência de 98 empresas que operam na Guiné Equatorial sem estarem listadas no Estado. 

Essas 98 empresas deverão ao Estado mais de mil milhões de francos CFA desde 2014. O Governo tem tentado resolver a situação através do diálogo com os responsáveis das empresas afetadas.  

No entanto, sabe-se que as visadas nunca foram submetidas às diferentes convocatórias efetuadas, nem mesmo nos meios de comunicação audiovisuais nacionais. 

Segundo Nguema Obiang Mangue, nenhuma das empresas a operar no território nacional cujos nomes figurem nesta lista apresentada pelo Tesouro irá ficar impune face ao combate à corrupção, que tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento económico.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Ucrânia: Zelensky diz que restrições do Ocidente impedem ataque contra Rússia

Ucrânia: Zelensky diz que restrições do Ocidente impedem ataque contra Rússia

O Presidente da Ucrânia, Volodymir Zelensky, pediu aos países ocidentais o envio de ajuda militar e que autorizem Kiev a…
Goa: Goeses com nacionalidade portuguesa não foram retirados dos cadernos eleitorais

Goa: Goeses com nacionalidade portuguesa não foram retirados dos cadernos eleitorais

A recente eleição para a Lok Sabha está a ser marcada pela alegações de que alguns cidadãos goeses, que possuem…
Juventude dos PALOP ameaça protestar junto às embaixadas da Guiné-Bissau

Juventude dos PALOP ameaça protestar junto às embaixadas da Guiné-Bissau

A Coordenação Nacional da Coligação da Juventude dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (CN-CJP) divulgou um comunicado esta sexta-feira,…
Espanha, Portugal e Europol desmantelam esquema de branqueamento de capitais na Guiné Equatorial

Espanha, Portugal e Europol desmantelam esquema de branqueamento de capitais na Guiné Equatorial

A Agência Tributária de Espanha, a Polícia Judiciária de Portugal e a Europol desmantelaram um esquema que terá branqueado, a…