Ásia | Guiné Equatorial

Guiné Equatorial quer fortalecer cooperação com Malásia na mineração

As administrações de Malabo e de Kuala Lumpur querem cooperar no setor de mineração, tendo essa vontade sido expressa numa reunião realizada nesta terça-feira, 21 de janeiro, entre o Vice-Presidente da República da Guiné Equatorial, Teodoro Nguema Obiang Mangue, e o Presidente da Simer International, Peter Hil. 

O encontro decorreu na cidade equato-guineense Mongomo, numa altura em que empresários da Malásia visitaram o país africano com o desejo de investir em minerais, principalmente na exploração de minério de bauxita. 

A proposta foi bem recebida pelo Vice-Presidente da República, que, além de desejar receber investidores asiáticos, também expressou a vontade do Governo da Guiné Equatorial para cooperar com os operadores económicos que desejam investir no país. 

Petróleo, gás e madeira encontram-se entre as principais fontes da economia equato-guineense e, para acompanhar essa tendência, o Governo decidiu no ano passado, durante a Terceira Conferência Económica Nacional realizada em Malabo, priorizar a diversificação económica. Nesse âmbito, a oferta do empresário malaio de injetar recursos na exploração mineral junta-se às alternativas para relançar a economia nacional.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo