Guiné Equatorial

Presidente da Guiné Equatorial cancela visita da delegação da CPLP

O Presidente equato-guineense, Teodoro Obiang, decidiu adiar à última hora a visita de uma missão técnica da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), cujo objetivo era avaliar os progressos do Programa de Adesão da Guiné Equatorial à CPLP.

O cancelamento foi feito no dia em que os 18 delegados se preparavam para apanhar o avião para Malabo, capital do país. Esta missão seria liderada pelo embaixador José Luís Monteiro, de Cabo Verde, país que tem a presidência rotativa da CPLP até 2020.

Recorde-se que no início de abril foi acordado entre a referida comunidade e Malabo que a visita ocorreria entre 7 e 10 de maio, pelo que os oito Estados-membros compraram as viagens para os seus enviados. No entanto, na véspera do início da visita, a embaixada da Guiné Equatorial em Portugal informou a CPLP, cuja sede é em Lisboa, que o Governo do Presidente Teodoro Obiang dera instruções para adiar a visita.

O adiamento causou perplexidade e alguns Estados-membros questionaram o Governo de Malabo sobre o plano que o mesmo tem para ressarcir os parceiros, uma vez que as viagens de avião são a cargo de cada país. Nas últimas semanas, alguns governos estranharam o facto de Malabo não ter chegado a enviar um plano das reuniões organizadas para a missão agora adiada.

Desde a adesão à CPLP, efetuada em 2014, esta iria ser a primeira missão técnica global para avaliar o que a Guiné Equatorial fez em relação aos compromissos assumidos há cinco anos. É possível que a missão de avaliação decorra em junho, mas ainda não existe programa.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo