Guiné Equatorial | São Tomé e Príncipe

STP: Formada equipa para negociar a exploração conjunta de petróleo com a Guiné Equatorial

(c) kristina kasputienè, Pixabay,

O ministro das Obras Públicas e Recursos Naturais já deu a conhecer equipa santomense para “lidar com a questão de exploração conjunta de petróleo” na zona de sobreposição com a Guiné Equatorial.

Segundo Osvaldo d’ Abreu, o coletivo será liderado pela Agência Nacional de Petróleo com quatro elementos, designadamente, Olegário Tiny, diretor executivo; Fausto Vera Cruz, responsável pela área da geologia; Mariam Fawole, do setor jurídico e Celso Quaresma, pela parte económica.

Integram ainda a equipa, Carlos Gomes, ex-diretor executivo da Autoridade Conjunta com a Nigéria, Carlos Neves, ex-vice-presidente do parlamento e Afonso Varela, ex-ministro da Presidência e Assuntos Parlamentares do executivo de Patrice Trovoada.

«Esta equipa tem os objetivos bem traçados para aquilo que queremos alcançar neste projeto com a Guiné Equatorial», disse Osvaldo d’ Abreu.

Questionado sobre a existência de petróleo nos dois blocos comuns com a Guiné Equatorial, o ministro citou estudos sísmicos já realizados, segundo os quais “existem indicações de estruturas passiveis de acumulados de hidrocarbonetos que estão na linha da fronteira entre os dois Estados”.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo