Moçambique: Governo cria seguro soberano

O Primeiro Ministro, Adriano Maleiane, anunciou na semana passada, na cidade de Nampula, que o executivo está a avaliar a possibilidade de criar um Fundo de Seguro Soberano, com objectivo de mitigar o sofrimento que as calamidades têm estado a provocar às famílias moçambicanas.

De acordo com Adriano Maleiane, a criação do fundo deriva da imprevisibilidade dos eventos extremos, que nos últimos tempos tendem a ser cíclicos “A única forma de reforçarmos a capacidade do Instituto Nacional de Gestão e Redução do Riscos de Desastre (INGD), em matéria financeira, é termos esse fundo”explicou Maleiane.

Ainda salientou que, com a concretização do desiderato, o governo dará um passo significativo na mitigação dos efeitos nefastos dos desastres naturais, nomeadamente secas, chuvas e outras calamidades.

Durante a sua visita à província de Nampula, o Primeiro Ministro Maleiane escalou alguns distritos afectados pelo ciclone Gombe, e num breve contacto com as pessoas afectadas pelos efeitos daquele fenómeno disse que a prioridade de momento é a reposição de infra-estruturas sociais básicas, como fontes de abastecimento de água, vias de acesso, energia eléctrica, escolas e centros de saúde.

Em uma reunião de balanço, recomendou ao INGD e os governos locais para que acelerassem a busca de soluções sustentáveis, por forma que os sectores de educação, saúde e outros voltem a funcionar normalmente em toda a província de Nampula.

Contudo, no fim Maleiane destacou que o envolvimento dos afectados, no processo de reconstrução de infra-estruturas, é também crucial, para o retorno da sua vida normal.

Aurelio Sambo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

A União Europeia (UE) anunciou o envio da próxima parcela de 50 milhões de euros para a Agência das Nações…
Angola: Cinco bailarinos cabo-verdianos participam na Mostra de Artistas – PROCULTURA

Angola: Cinco bailarinos cabo-verdianos participam na Mostra de Artistas – PROCULTURA

Os bailarinos Mano Preto, Rosy Timas, Elisabete Fernandes, Djamilson Barreto e Djam Neguin estão selecionados para participar no “Concurso para…
Reino Unido vai reabrir embaixada em Timor-Leste

Reino Unido vai reabrir embaixada em Timor-Leste

A ministra de Estado do Reino Unido para o Indo-Pacífico, Anne Marie-Trevelyan, anunciou nesta sexta-feira, 01 de março, a reabertura…
Angola: Aprovada execução trimestral do OGE 2023 sem apoio da UNITA

Angola: Aprovada execução trimestral do OGE 2023 sem apoio da UNITA

O relatório de execução orçamental do terceiro trimestre de 2023 foi aprovado no Parlamento angolano através de maioria parlamentar. Os…