Ajustamentos na FRELIMO ou “guerra” pela liderança política e económica

Ex-Presidente de Moçambique, Armando Guebuza

Desde a ascensão de Filipe Jacinto Nyusi à Presidência da República que facções internas na Frelimo se têm digladiado pelo posicionamento a nível político, que permite um controlo dos recursos estratégicos, principal atração dos investimentos externos fundamentais para o desenvolvimento do país e bem estar da população.

Estas lutas internas constituem no presente preocupação para elementos da Frelimo que temem o aumento das tensões e a instrumentalização política de escândalos e processos judiciais.

Nas últimas semanas são muitas as vozes que referem que Nyusi será um alvo dessa anunciada guerra interna, sobretudo após a exposição judicial do ex presidente Armando Guebuza no processo das “dívidas ocultas“.

Quais serão as consequências deste confronto para a estabilidade e desenvolvimento de Moçambique, quando os investidores externos continuam a referir elevada preocupação com a capacidade de Maputo para efetivamente governar o país e garantir a segurança e estabilidade básicas para o desenvolvimento de projetos estruturantes.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Maláui: Brigada Anticorrupção manda prender oito funcionários da Migração por suspeita de corrupção 

Maláui: Brigada Anticorrupção manda prender oito funcionários da Migração por suspeita de corrupção 

Oito funcionários do Departamento da Migração de Lilongue e mais dois civis foram, esta quinta-feira (11), detidos por suspeita de…
Portugal: Aposta na inovação no setor agroindustrial marcou celebração de 15 anos da InovCluster em Castelo Branco

Portugal: Aposta na inovação no setor agroindustrial marcou celebração de 15 anos da InovCluster em Castelo Branco

A InovCluster – Associação do Cluster Agroindustrial do Centro, uma das mais destacadas instituições no setor, localizada em Castelo Branco,…
Guiné-Bissau: Nabiam acusa Sissoco de pretender eliminar líderes políticos guineenses

Guiné-Bissau: Nabiam acusa Sissoco de pretender eliminar líderes políticos guineenses

O antigo Primeiro-ministro e líder da APU-PDGB, Nuno Gomes Nabiam, acusou, esta quinta-feira, 11 de Julho, o Presidente da República…
Moçambique: Actividade Económica continuou fechada na vila de Macomia enquanto FADM justifica a razão da morte de um comerciante local 

Moçambique: Actividade Económica continuou fechada na vila de Macomia enquanto FADM justifica a razão da morte de um comerciante local 

Na terça-feira (9) a vila de Macomia, centro de Cabo Delgado, ficou agitada na sequência de uma manifestação da população…