Brasil: Ministros são convidados para explicar compra de sistema de espionagem israelita

A senadora Kátia Abreu (PP-TO), presidente da Comissão de Relações Exteriores, informou no seu perfil no Twitter, que irá convidar o ministro da Justiça, Anderson Torres, e o chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência, general Augusto Heleno, para que expliquem a suposta aquisição de um sistema de espionagem junto à empresa israelense DarkMatter.

“O Senado não pode silenciar diante da gravidade”, escreveu Kátia Abreu no Twitter.

A suposta compra foi denunciada pelo site UOL e reproduzida por outros veículos como o Congresso em Foco. De acordo com a denúncia, um integrante do chamado “Gabinete do Ódio” aproveitou a viagem que o presidente Jair Bolsonaro fez aos Emirados Árabes em novembro para negociar a compra do sistema. Ele estava em exposição no evento Dubai Air Show, uma feira de negócios que foi visitada pelo presidente.

O DarkMatter é um programa criada por um grupo de hackers de elite vinculados ao exército de Israel. A empresa tem sede em Abu Dhabi e conta com sistema que tem capacidade para invadir computadores e celulares, inclusive quando os aparelhos estão desligados.

Kátia Abreu deseja saber por que razão o governo teria interesse em adquirir tal aparelho. Desconfia-se que ele poderia vir a ser usado pelo “Gabinete do Ódio” para perseguir jornalistas e opositores do governo.

Carlos Vasconcelos – Correspondente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin