Moçambique

China oferece 80 autocarros a várias capitais provinciais de Moçambique

O acordo de cooperação económica e técnica entre Moçambique e a China, assinado em 2015 e 2016, em Macau, possibilitaram a entrega de 80 autocarros, esta quinta-feira, para reforçar o transporte urbano do país. Os autocarros serão distribuídos pelas diversas capitais provinciais do país, sendo que a capital vai receber o maior lote, escreve o jornal O País. O embaixador da República da China em Moçambique, que procedeu a entrega dos autocarros, disse, na ocasião, que o seu país tem consciência da grave crise de transporte que Moçambique enfrenta, por isso pretende apoiar o “governo para oferecer aos cidadãos um serviço de transporte público mais eficiente e mais confortável”.

A China não só ofereceu os autocarros, como também financiou a construção de um centro de manutenção dos mesmos, na Matola, que vai servir os Municípios de Maputo, Matola e Boane.

O projeto Metrobus, que integra automotoras e uma frota de 90 autocarros de capacidade diversa, deverá entrar em funcionamento já em dezembro, sublinhou o ministro dos Transportes e Comunicações, Carlos Mesquita, que também se congratulou com a receção da nova frota rodoviária.

O presidente do Conselho Municipal de Maputo, David Simango, que também assistiu à cerimónia, sublinhou ainda a questão do excessivo tráfego, que acredita deve continuar a ser resolvido.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo