China perdoa 7 milhões de dólares da dívida de Moçambique

O Governo chinês perdoou ao país africano uma dívida avaliada em sete milhões de dólares norte-americanos. Trata-se de um empréstimo sem juros, vencido no fim de 2021, segundo a “Carta de Moçambique”.

Essa quantia perdoada corresponde a apenas 0.39% do total da dívida de Moçambique à China, avaliada em 1.8 bilião de dólares até ao segundo trimestre de 2022.

O anúncio do perdão foi feito pela ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação em Maputo nesta terça-feira, 13 de setembro. Verónica Macamo fê-lo depois da assinatura em conjunto com o Embaixador da China em Moçambique, Wang Hejun, do Acordo de Perdão Parcial da Dívida em alusão e do Protocolo sobre a Cooperação Económica e Técnica no valor de 14 milhões de dólares e a entrega do Certificado de 295 toneladas de farinha de trigo para a assistência humanitária.

“Reiteramos o nosso profundo agradecimento aos donativos colocados à disposição do nosso país, visando diminuir a escassez de produtos alimentares em Moçambique, e o perdão da dívida vai catapultar o desenvolvimento da economia nacional, aliviando o país do encargo da dívida”, disse Macamo. 

A China tinha declarado em agosto que iria perdoar 23 empréstimos sem juros e vencidos até ao final de 2021 para 17 países africanos, durante o 9.º Fórum de Cooperação China-África.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Ucrânia: Economia caiu 30,4% devido ao conflito com a Rússia

Ucrânia: Economia caiu 30,4% devido ao conflito com a Rússia

A economia ucraniana baixou 30,4% em 2022. O motivo deve-se à invasão russa, iniciada a 24 de fevereiro.  Trata-se de uma…
Moçambique: Oposição quer posição firme do Governo sobre guerra na Ucrânia

Moçambique: Oposição quer posição firme do Governo sobre guerra na Ucrânia

A Renamo e o MDM, partidos da oposição com assento na Assembleia da República de Moçambique, exigem que o Governo…
Afeganistão: Talibãs mataram oito membros do Estado Islâmico

Afeganistão: Talibãs mataram oito membros do Estado Islâmico

Os talibãs afegãos mataram oito militantes do grupo ‘jihadista’ Estado Islâmico, de acordo com as informações divulgadas pelo porta-voz do…
Moçambique: Número de casos de cólera é preocupante na província de Niassa

Moçambique: Número de casos de cólera é preocupante na província de Niassa

As autoridades na província de Niassa, norte de Moçambique, dizem estar bastante preocupadas devido à persistência de casos de cólera,…