Malawi recebe grupo de 17 refugiados moçambicanos

Um grupo de 17 moçambicanos fugiu para o Malawi, de maneira a escapar a atentados terroristas no Norte de Moçambique. Não são os primeiros a migrar recentemente para o país vizinho, através de rotas oficiais e clandestinas.

O grupo encontra-se acomodado na Autoridade Tradicional de Nkumba, no distrito de Mangochi. Outro grupo está na esquadra da polícia de Katuli, no mesmo distrito.

Mangochi, à beira do Lago Niassa, é um dos distritos malawianos que faz fronteira com Moçambique, através da província do Niassa. De acordo com fontes locais, citadas pelo jornal malawiano “The Daily Times”, têm entrado moçambicanos no Malawi quase todos os dias, em busca de segurança.

Alguns dos refugiados são acomodados pelos seus parentes e outros são hospedados em instituições públicas.

Segundo o Diretor de Gestão de Desastres da Cruz Vermelha do Malawi, Aston Mulwafu, a sua organização recebeu um pedido das autoridades para apoiar os deslocados vindos de Moçambique, devido ao conflito no país.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

África do Sul trava entrada ilegal de moçambicanos no país

África do Sul trava entrada ilegal de moçambicanos no país

As autoridades sul-africanas impediram a entrada ilegal de 40 moçambicanos no seu território, por ocasião do regresso de várias pessoas…
Comissão Mista Angola-Brasil reúne-se entre março e abril

Comissão Mista Angola-Brasil reúne-se entre março e abril

A Comissão Mista Angola-Brasil vai reunir-se entre março e abril para impulsionar as relações de cooperação bilateral.  Esta foi uma…
Timor-Leste: PR diz que Brasil pode apoiar na autossuficiência na agricultura

Timor-Leste: PR diz que Brasil pode apoiar na autossuficiência na agricultura

O Presidente da República de Timor-Leste, José Ramos-Horta, partilhou publicamente que o Brasil pode apoiar o seu país a tornar-se…
Cabo Verde: PAICV comenta abandono da barragem de Canto de Cagarra

Cabo Verde: PAICV comenta abandono da barragem de Canto de Cagarra

Os deputados do PAICV eleitos por Santo Antão alertaram nesta quinta-feira, 05 de janeiro, para a situação de abandono da…