Moçambique

Mediadores internacionais retomam negociações com RENAMO e governo

O diálogo político para a cessação das hostilidades militares em Moçambique foi retomado ontem, segunda-feira, após uma pausa de duas semanas.

Antes da suspensão do diálogo, em 28 de outubro, os mediadores internacionais entregaram às partes uma proposta dos princípios sobre o processo de descentralização a ser apresentado à Assembleia da República, bem como um roteiro para tratar os itens restantes da agenda.

As duas partes comprometeram-se a apresentar no primeiro dia da retoma das negociações uma resposta formal a esta proposta.

De acordo com um comunicado de imprensa do coordenador de mediação Mario Raffaelli, na última sessão do comité conjunto, a delegação do Renamo apresentou parte da documentação em falta nas suas propostas das Forças de Defesa e Segurança, um dos principais pontos de discórdia até agora.

Outro ponto sobre o qual ainda não há consenso é a exigência da Renamo de governar nas seis províncias onde afirma ter vencido as eleições gerais de 2014. O governo, por sua vez, exige que a Renamo ordene a cessação imediata dos ataques nas partes central e norte do país.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo