Moçambique: Armando Guebuza vai ser ouvido no julgamento das “dívidas ocultas”

O ex-Presidente da República de Moçambique, Armando Guebuza, vai ser ouvido como declarante no julgamento sobre o caso das “dívidas ocultas” a 02 de dezembro. A data foi fixada pelo Juiz da sexta secção do Tribunal Judicial da Cidade de Maputo, Efigénio José Baptista.

Recorde-se que Guebuza iria ser ouvido a 06 de outubro, mas acabou por ser decidido que não iria a julgamento. A informação chegou a ser avançada através de um comunicado da referida entidade judicial, onde consta o calendário das audições dos arguidos e declarantes do Processo de Querela 18/2019-C.

Neste julgamento estão acusados 19 moçambicanos no escândalo de contratação de dívidas ilegais no valor de 2.2 mil milhões de dólares norte-americanos, entre 2013 e 2014.

Foi através da divulgação do referido calendário que se verificou que o nome de Guebuza não constava na lista dos declarantes a serem ouvidos pelo magistrado Efigénio Baptista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

O ministro da Agricultura e Pescas de Angola, António Francisco de Assis, informou que foram aprovados mais de 15 mil…
MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin