Moçambique: Ciclone ANA danifica ponte que ligava distritos de Namacura e Maganja da Costa na província da Zambézia

Os distritos de Namacura e Maganja da Costa, na província central da Zambézia, estão isolados devido à destruição da ponte sobre o rio Licungo, na última segunda-feira, em resultado das intensas chuvas associadas ao ciclone ANA, que também afeta outras províncias de Moçambique. 

Assim, os residentes de Namacura, por exemplo, para chegar à vila de Maganja da Costa, terão que primeiro passar pelo distrito de Mocuba, pois não se aconselha a atravessar o rio devido aos enormes riscos. São pouco mais de 200 quilómetros a percorrer, contra os cerca de 150 do troço cujo trânsito está impedido.

A referida ponte, cuja reabilitação custou aos cofres do estado moçambicano 900 milhões de meticais, foi inaugurada em Dezembro do ano passado (2021). A mesma, fora destruída pelas enxurradas de 2018.

O Diário da Zambézia, jornal editado na cidade de Quelimane, refere que a inauguração da ponte, em Dezembro findo, depois de reabilitada por uma empresa chinesa, foi presidida pelo Ministro das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos, João Machatine, acompanhado pelos Governador e Secretário do Estado da província da Zambézia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin