Moçambique: Continuação da SAMIM custa 26 milhões de euros

A continuação da Missão Militar da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral em Moçambique (SAMIM, na sigla inglesa), por mais três meses, vai custar 29,5 milhões de dólares (26 milhões de euros). A informação foi avançada pela “Notícias ao Minuto”. 

“Foi decidido o prolongamento da missão por mais três meses, mas isso é indicativo […] O terrorismo não termina em um mês ou um ano. Naturalmente as atividades contra o terrorismo terão de seguir”, explicou o Presidente moçambicano, Filipe Nyusi

As declarações foram feitas à comunicação social em Lilongwe, no Malawi, após a cimeira extraordinária da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC, na sigla inglesa). No encontro foi debatida e aprovada a continuação da SAMIM, que a referida comunidade enviou para apoiar Moçambique no combate ao terrorismo em Cabo Delgado. 

Nyusi avançou que a continuação da missão militar vai custar 29,5 milhões de dólares (26 milhões de euros). A maior parte dos líderes regionais presentes na cimeira terão assumido o compromisso de disponibilizar as verbas dentro dos prazos estipulados. 

“O orçamento foi também aprovado e promulgado e grande parte dos países durante a sessão disseram que vão cumprir com o prazo estipulado”, acrescentou o governante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin