Moçambique

Moçambique: Detenções por recolher obrigatório deixam reclusos sem camas

O Serviço Nacional Penitenciário (SERNAP) de Moçambique informou que mais de metade dos reclusos no país não tem camas. Um dos motivos que mais têm contribuído para esta situação consiste nas detenções em consequência do incumprimento do recolher obrigatório.

Este cenário tem agravado o problema já crítico nos estabelecimentos penitenciários. Segundo o representante do SERNAP, Cremilde Anli, “o sistema penitenciário conta com 19 mil reclusos para apenas oito mil camas”.

“De 01 de janeiro a 18 de fevereiro, deram entrada nos nossos estabelecimentos mais de três mil detidos. Grande parte deles em resultado das detenções originadas pela desobediência ao recolher obrigatório na região do Grande Maputo”, acrescentou.

Ainda de acordo com o SERNAP, os novos presos dos estabelecimentos penitenciários, além de visitantes e funcionários, podem ser fonte de propagação da Covid-19 nas cadeias.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo