Moçambique: Encontrados três cadáveres em Macomia

arma; munição; violência; guerra

Foram encontrados três corpos sem vida na aldeia Napala, localizada no distrito de Macomia, pertencente à província de Cabo Delgado

Populares encontraram os cadáveres baleados nesta terça-feira, 16 de abril, ao longo da Estrada Macomia-Mucojo. 

Ainda de acordo com as informações avançadas por fontes locais à “Carta de Moçambique”, os corpos foram enterrados no mesmo local e não foram identificados ou reclamados. As fontes acrescentaram que as vítimas eram civis e queriam chegar a Mucojo. 

Segundo um residente de Macomia-sede, além das três vítimas mortais suspeita-se que haja mais corpos no mato, porque as pessoas vão e vêm de Mucojo todos os dias, devendo-se a insistência em ir à referida região a questões de sobrevivência. 

Há uma semana foi lançada pelas Forças de Defesa e Segurança de Moçambique uma ofensiva contra grupos terroristas em Mucojo, que ainda têm bases naquela região. 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique: Recondução de Momade é garantia de vitória da Frelimo

Moçambique: Recondução de Momade é garantia de vitória da Frelimo

O comentador residente da Rádio Moçambique, Hilário Chacate, defendeu, após o Congresso da Renamo, que a reeleição de Ossufo Momade…
Angola: Operadoras de transportes públicos devem milhões ao Estado

Angola: Operadoras de transportes públicos devem milhões ao Estado

As operadoras de transportes públicos devem mais de 40 milhões de kwanzas ao Estado na província angolana do Cuanza Sul. …
Cabo Verde: UCID critica empréstimo bancário em época pré-eleitoral

Cabo Verde: UCID critica empréstimo bancário em época pré-eleitoral

O eleito municipal da UCID em Santo Antão, José Graça, disse que se trata de uma “manobra para manipular a…
Moçambique: PRM confirma envolvimento de membros seus em actos criminais

Moçambique: PRM confirma envolvimento de membros seus em actos criminais

O Comandante-Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), Bernardino Rafael, disse reconhecer o envolvimento dos membros da sua corporação…