Moçambique: Ex-ministro das Finanças detido na África do Sul

O ex-ministro das Finanças de Moçambique e atual deputado pelo partido no poder, Manuel Chang, foi detido no aeroporto internacional OR Tambo, em Joanesburgo, na África do Sul, no sábado, quando se dirigia para o Dubai, por suspeitas de lavagem de dinheiro e fraude financeira, anunciou a embaixada de Moçambique em Pretoria.

Segundo fonte da embaixada sul-africana, Manuel Chang, de 63 anos, atual deputado na Assembleia da República pela Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo), foi detido na sequência de um mandado de captura internacional emitido pelos Estados Unidos em 27 de dezembro, sob acusações de fraude e lavagem de dinheiro.

De acordo com o jornal Carta de Moçambique, há evidências de que Chang tem uma grande fortuna em contas suíças, compondo mais do que o valor da dívida oculta de Moçambique, acrescentando que a detenção não tem nada a ver com o processo de dívida oculta.

Manuel Chang foi ministro da Economia e Finanças de Moçambique durante o período em que o país contraiu as chamadas dívidas ocultas, entre 2013 e 2014.

O jornal refere que os Estados Unidos exigiram a extradição de Chang por suposta lavagem de dinheiro, fraude eletrónica e fraude de valores mobiliários.

O ex-ministro incorre numa pena cumulativa de 45 anos de prisão.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique: Nyusi incentiva empresários sul-coreanos a retomarem investimentos em Cabo Delgado

Moçambique: Nyusi incentiva empresários sul-coreanos a retomarem investimentos em Cabo Delgado

O Presidente da República de Moçambique, Filipe Nyusi, está a aproveitar a sua estadia na Coreia do Sul para incentivar…
Angola: Aprovada Estratégia Nacional de Prevenção e Repressão da Corrupção

Angola: Aprovada Estratégia Nacional de Prevenção e Repressão da Corrupção

O Governo angolano aprovou a Estratégia Nacional de Prevenção e Repressão da Corrupção nesta segunda-feira, 03 de junho.  Trata-se de…
Guiné-Bissau: Julgamento dos detidos do ‘Caso 1 de Fevereiro’ adiado por incoerências do Tribunal

Guiné-Bissau: Julgamento dos detidos do ‘Caso 1 de Fevereiro’ adiado por incoerências do Tribunal

O julgamento do suposto golpe de Estado de 1 de Fevereiro de 2022 foi adiado. O Tribunal decidiu suspender a…
Netanyahu e Biden trabalham em conjunto num acordo para os reféns

Netanyahu e Biden trabalham em conjunto num acordo para os reféns

O porta-voz do Conselho de Segurança Nacional da Casa Branca, John Kirby, avançou que o Presidente dos Estados Unidos da…