Moçambique

Moçambique: Exército sul-africano quer entrar em Cabo Delgado

Mocímboa da Praia, em Cabo Delgado

O exército sul-africano está a preparar as suas tropas para entrarem em Moçambique. No entanto, tal tem sido feito sem que o Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, tivesse pedido apoio militar.

A base militar de Wallmannsthal, perto de Pretória, está cada vez mais ocupada desde o início de julho. O general Xolani Mankayi ordenou que os soldados da 43 Brigada da África do Sul, que formam a unidade de intervenção rápida da Força de Defesa Nacional da África do Sul (SANDF), começassem um programa de treinamento intensivo.

Por sua vez, a chefe de gabinete da SANDF, Solly Shoke, manifestou uma crescente preocupação com a autoproclamada insurreição islâmica.

Segundo essa fonte, a referida insurreição está a consumir a província de Cabo Delgado e quer ter uma unidade pronta para intervir. Isto caso o Presidente sul-africano, Cyril Ramaphosa, dê ordens para o exército avançar.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo