Europa | Moçambique

Moçambique: FADM poderão ser formadas pela UE

Forças Armadas da Defesa De Moçambique (FADM)

A União Europeia (UE) poderá vir a formar as Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) no combate ao terrorismo, bem como reforçar a cooperação na área de segurança.

O anúncio foi feito em Maputo pelo ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros de Portugal, em representação da UE. Depois de uma reunião com o Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, o governante português Augusto Santos Silva disse à imprensa que estavam identificadas as áreas  de cooperação, decorrendo atualmente os preparativos para esta concretização.

“A reunião que acabámos de ter com o senhor Presidente da República de Moçambique foi muito clara na identificação das áreas em que o incremento da cooperação na área de segurança pode beneficiar imediatamente Moçambique, na área de formação militar”, declarou.

Foi igualmente abordada a área da assistência humanitária para a população da província de Cabo Delgado, que tem sido frequentemente alvo de ataques terroristas desde outubro de 2017. O problema já causou mais de dois mil óbitos e 560 mil deslocados.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo