Moçambique: Famílias necessitadas sem subsídio da Covid-19

Organizações Comunitárias de Base manifestaram preocupação pelo facto de nenhuma família vulnerável em Sofala ter recebido, até ao momento, os subsídios da Covid-19

Nessa zona foram realizadas inscrições dos grupos-alvo num sistema digital. As famílias chegaram a receber senhas, mas, um ano depois, ainda nenhum agregado familiar recebeu dinheiro. 

A partilha desta informação, feita por parte da Organizações Comunitárias de Base, foi dirigida numa conversa com um grupo do Fórum de Monitoria do Orçamento. Este esteve em formação, no mês de julho, em matérias de práticas e ferramentas de monitoria da governação e serviços públicos, na cidade da Beira. 

Segundo as referidas organizações, nas outras províncias ou cidades do país as pessoas receberam os subsídios da Covid-19. Já em Sofala ninguém recebeu e as comunidades querem saber se o subsídio será ou não disponibilizado. 

Em resposta, o representante do Departamento de Género, Criança e Acção Social, Fernando Félix, garantiu que sim. “Os subsídios serão pagos. Neste momento está em curso o processo de procurement para a seleção de uma operadora de telefonia móvel que vai fornecer celulares para permitir as transferências diretas dos subsídios para os agregados familiares”, disse, citado pela “Carta de Moçambique”.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Moçambique: Oposição quer posição firme do Governo sobre guerra na Ucrânia

Moçambique: Oposição quer posição firme do Governo sobre guerra na Ucrânia

A Renamo e o MDM, partidos da oposição com assento na Assembleia da República de Moçambique, exigem que o Governo…
Afeganistão: Talibãs mataram oito membros do Estado Islâmico

Afeganistão: Talibãs mataram oito membros do Estado Islâmico

Os talibãs afegãos mataram oito militantes do grupo ‘jihadista’ Estado Islâmico, de acordo com as informações divulgadas pelo porta-voz do…
Moçambique: Número de casos de cólera é preocupante na província de Niassa

Moçambique: Número de casos de cólera é preocupante na província de Niassa

As autoridades na província de Niassa, norte de Moçambique, dizem estar bastante preocupadas devido à persistência de casos de cólera,…
Revista de Imprensa Lusófona de 05 de janeiro de 2022

Revista de Imprensa Lusófona de 05 de janeiro de 2022

O portal do Governo de Moçambique informa que o “PR diz que Moçambique poderá contribuir para um mundo mais pacífico…