Moçambique: FDS intercetam dois barcos com mais de 60 pessoas

As Forças de Defesa e Segurança (FDS) intercetaram na passada sexta-feira, 28 de agosto, na cidade de Pemba, dois barcos com 60 pessoas a bordo.

Os transportes marítimos iam a caminho do distrito de Mocímboa da Praia, localizado na província de Cabo Delgado.

Segundo as fontes locais, os indivíduos vinham da província de Nampula e disseram às autoridades que iam pescar numa área próxima de Mocímboa da Praia. No entanto, esta está sob controlo de um grupo terrorista, que invadiu a zona e ainda está a controlar o porto.

As FDS tiveram então de recorrer às armas para imobilizar os dois barcos.

Devido ao grupo terrorista instalado no local, as autoridades acreditam que os indivíduos eram novos recrutas desses invasores. Isto porque o grupo tem um dos pontos de recrutamento situado em Nampula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

A ministra da Agricultura do Brasil Tereza Cristina anunciou que vai apresentar um plano nacional para produção de fertilizantes no…
Moçambique: exoneração de Membros do Governo

Moçambique: exoneração de Membros do Governo

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, no uso das competências que lhe são conferidas pela alínea a) do número…
Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

O governo brasileiro não aderiu a uma ação de 39 países que solicitaram a abertura de investigações formais contra o…
Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

A despeito da posição “neutra” declarada pelo presidente Jair Bolsonaro, o Brasil votou nesta quarta-feira (2) pela imediata retirada das…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin