Moçambique

Moçambique: Filho de Dhlakama vai concorrer à presidência em 2024

Henriques Dhlakama

Henriques Dhlakama, primogénito do falecido Afonso Dhlakama, antigo líder da Renamo, avançou que vai candidatar-se à Presidência da República em 2024. O anúncio foi feito através da rede social Facebook.

“Neste dia, em que, após muita reflexão, lanço a minha candidatura à Presidência da República de Moçambique, tenho o coração repleto de uma alegria tranquila”, começou por escrever.

“Sinto-me acompanhado por todos vocês, moçambicanos, que nos últimos dias me enviaram milhares de mensagens de esperança, lealdade, encorajamento e outras de sentido desespero, por uma mudança que tarda em chegar”, pode ainda ler-se.

Dhlakama declarou igualmente que se candidata contra a corrupção e outros males que assolam o país. “Nestes novos tempos, e apesar de Moçambique ser um dos países com maior potencialidade no continente africano e no mundo, estamos atrasados em mais de 50 anos e desprotegidos face a novos desafios”, partilhou.

“As nossas instituições são corruptas e atrasadas. Moçambique não soube nem sabe desenvolver os seus recursos valiosos, entre os quais a população moçambicana. Estamos à beira de um enorme precipício e é altura de os moçambicanos reagirem com a ferocidade que se lhes conheceu ao longo de toda a sua história”, criticou.

O candidato considera assim que “os moçambicanos querem mudar e estão fartos! Fartos de sofrer e ver morrer as suas crianças; de não ter o que comer”, realçou. Foi também mencionada a falta de acesso a uma assistência digna de saúde, a falta de dinheiro para estudar, de emprego, e juntando a isso, a existência de “guerras e conflitos”.

“Apresento-me como um candidato de todos os Moçambicanos. Tenho no meu nome gravado a ferro e fogo a história de um passado de combate pela justiça e igualdade”, frisou.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo