Moçambique: Frelimo aconselhada a não guiar-se pelas vitórias passadas

O primeiro secretário do Comité Provincial da Frelimo na província de Maputo, Avelino Muchine, aconselhou os membros do partido no poder em Moçambique a não se acomodarem no otimismo, segundo o “Notícias Online”. 

Assim, disse-lhes que não se deixassem guiar pelas vitórias passadas. isto porque o político considera que tal otimismo pode tornar-se numa armadilha para o percurso e objetivos que pretendem alcançar no futuro. 

As declarações foram feitas na abertura da VIII Sessão Ordinária, convocada para avaliar os relatórios de atividades do Órgão e do Comité de Verificação relativos ao I semestre de 2021. 

Na sua intervenção chamou a atenção de todos, no sentido de reforçarem a união e a coesão entre os membros da formação política, bem como sensibilizarem a população para se engajar no trabalho e ajudar a resolver as suas inquietações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin