Moçambique: Frelimo ouve as preocupações das comunidades de Maputo

Os deputados da Frelimo eleitos pelo círculo eleitoral da província de Maputo querem ouvir as preocupações e inquietações das comunidades locais, no âmbito das jornadas parlamentares.

Os mandatários do povo pela bancada maioritária deverão escalar quatro distritos da província, entre os quais Matutuíne, Manhiça, Namaacha e Matola, com vários pontos na agenda. Esta ação tem como objetivo assegurar que os seus eleitores sejam bem representados.

A informação foi divulgada pelo porta-voz dos deputados da bancada pelo círculo eleitoral da província de Maputo, Edson Nhangumele. “Queremos estar mais próximos dos nossos eleitores e perceber tudo o que eles sentem falta, para posteriormente fazermos o nosso trabalho, que é representar a quem nos elegeu”, disse.

De acordo com o político, os deputados da Frelimo têm como principal missão ouvir as necessidades da população e fiscalizar a ação governativa, numa altura em que o país se debate com os efeitos negativos da Covid-19. Assim, poderão auxiliar as comunidades a compreenderem o momento e ainda difundirem mensagens de prevenção e combate ao novo coronavírus.

Além de ouvir as comunidades, ajuntou Nhangumele, os deputados irão proferir palavras de incentivo à produção, garantindo que as previsões de crescimento económico do país se mantenham em níveis aceitáveis. No entanto, reconhece que as limitações impostas pelo estado de emergência, em vigor, vão ter impacto na produção.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Angola: Vice-Presidente recebe líder da OEACP–UE

Angola: Vice-Presidente recebe líder da OEACP–UE

A Vice-Presidente da República de Angola, Esperança da Costa, recebeu em audiência a líder da Assembleia Parlamentar da Organização dos…
Guiné-Bissau: Nuno Nabiam demite-se e qualifica Sissoco de “senhor absoluto”

Guiné-Bissau: Nuno Nabiam demite-se e qualifica Sissoco de “senhor absoluto”

O antigo Primeiro-ministro e conselheiro especial do Presidente da República, Nuno Gomes Nabiam demitiu-se das funções alegando a “falta de…
Guiné-Bissau: Venda ilícita de passaportes movimentou em dois anos 1.8 biliões de Fcfa

Guiné-Bissau: Venda ilícita de passaportes movimentou em dois anos 1.8 biliões de Fcfa

O Ministério do Interior da Guiné-Bissau informou esta segunda-feira, 19 de Setembro, ter detido 41 indivíduos de nacionalidade camaronesa, assim…
Angola: UE vai financiar novos projetos avaliados em 90 milhões de euros

Angola: UE vai financiar novos projetos avaliados em 90 milhões de euros

A União Europeia (UE) vai financiar, com 90 milhões de euros, quatro novos projetos, em Angola. O montante vai ser…